Cargando...

Paulo Cézar Caju vendeu medalha do Tri para comprar cocaína

Publicado em 24 - 04 - 2015
Paulo Cézar Caju vendeu medalha do Tri para comprar cocaína

O jogador em foto dos anos 70 e nos dias atuais

Craque da Copa de 70 perdeu ainda três imóveis para alimentar o vício

Craque da seleção de 1970, Paulo Cézar Caju faz uma confissão inédita no Dossiê GloboNews. “Nunca comentei com ninguém, mas agora vou me abrir", diz, em tom de desabafo, na entrevista a Geneton Moraes Neto. Há 15 anos longe do álcool e das drogas, o ex-jogador enfrentou uma difícil batalha para se livrar do vício.

Paulo Cézar Caju revela que vendeu a medalha da Fifa de tricampeão do mundo e uma miniatura em ouro da Taça Jules Rimet para comprar cocaína. "Jamais eu teria de negociar e vender uma medalha tão preciosa! É uma perda enorme”, lamenta. “Eu precisava da droga. Você perde a noção total do que está fazendo. Você não tem equilíbrio”, diz o ex-jogador.

+ Jobson é suspenso por quatro anos pela Fifa

A medalha e a miniatura em ouro não foram os únicos prejuízos de Paulo Cézar com a droga: o craque diz que perdeu três imóveis na zona sul do Rio de Janeiro. "Digo a quem nunca experimentou drogas: não experimente! Só isso: não experimente! São mortais", aconselha.

Deixe seu comentário