Notícias 

Depois de muita negociação, Elias é do Corinthians

A novela, enfim, acabou. O Corinthians acertou nesta segunda-feira o retorno de Elias após uma das negociações recentes mais desgastantes no futebol brasileiro.

Depois de semanas em debates, o time paulista e o Sporting (POR) chegaram definitivamente a um consenso, sem surpresas no final. O atleta não poderá jogar oficialmente até o dia 14 de julho, quando a CBF reabre o período de inscrições para atletas de fora.

A documentação foi assinada por todas as partes nesta tarde no Brasil e noite em Portugal, segundo apurou o ESPN.com.br.

Segundo o contrato final, a diretoria alvinegra pagará quatro milhões de euros pelos 50% dos direitos econômicos pertencentes aos portugueses, que serão depositados de forma parcelada. Além de não precisar colocar os garotos da base no negócio, a cúpula paulista ainda conseguiu retirar a cláusula que barrou a última tentativa de acerto na semana passada: uma multa de 100% sobre o valor total em caso de atraso nos pagamentos.

VEJA COMO FOI A NEGOCIÃO:

PARTE INICIAL
PARTE FINAL

Os capítulos dramáticos com o clube de Lisboa envolveram conversas até as 23h59 do dia do fechamento da janela de transferências, contaram com troca de acusações de ambos os lados e até mesmo o receio de uma notificação por parte da FIFA.

Em relação ao salário do meia, o Corinthians vai pagar menos durante os três primeiros meses, entre abril e julho, já que Elias ainda não poderá entrar em campo oficialmente. O combinado ficou em cerca de 10% do vencimento dos meses seguintes. Ainda sem data de apresentação definida, ele terá de ficar treinando no clube até o dia 14 de julho, quando o período de inscrições na CBF reabre. Dessa maneira, o atleta ficará de fora das nove primeiras rodadas do Brasileiro.

Apesar da restrição, durante o recesso da Copa do Mundo ele poderá participar de eventuais amistosos que a equipe for realizar para preparação para o segundo semestre.

O jogador de 28 anos foi um dos destaques da equipe alvinegra em seu período de reconstrução após a queda para a segunda divisão do Brasileiro. Em 2008, ele se destacou pela Ponte Preta vice-campeã estadual e na sequência, se transferiu ao Corinthians.

Durante três anos, Elias foi um dos principais nomes do elenco, que, além do título da Série B em seu primeiro ano, se tornou campeão paulista e da Copa do Brasil na temporada seguinte. O volante conquistou a torcida por causa de sua capacidade de marcação e chegada ao ataque com muito perigo.

Em alta, o atleta foi negociado com o Atlético de Madri, mas acabou sem espaço, pois o clube já havia superado o limite de estrangeiros. Dessa forma, foi negociado com o Sporting, pelo qual não se destacou e acumulou atritos fora do campo, ainda passou pelo Flamengo na temporada passada, como um dos destaques do título da Copa do Brasil.

Artigos Relacionados

Leave a Comment