Notícias 

Vilson cobra R$ 2 milhões do Palmeiras

Vilson continua em tratamento e não tem clube no momento

Vilson foi jogador do Palmeiras em 2013 e agora cobra do clube aproximadamente R$ 2 milhões. Durante o período que estava no clube, Vilson teve que operar o joelho esquerdo por problemas na cartilagem e ficou tempos sem jogar. agora o jogadora culpa o clube por não ter atuado durante o período e cobra o valor baseado em seu seguro de vida e alegando acidente de trabalho.

Segundo a Lei Pelé, todo jogador tem direito a um seguro contra acidentes de trabalho. O advogado de Vilson pediu ao Palmeiras a cópia desse seguro e não obteve resposta. Fica a desconfiança de que o clube nunca o tenha feito. O Palmeiras, por outro lado, alega ter o seguro mas que não acionou neste caso por não achar que era necessário.

Palmeiras perde a cabeça e o jogo para o Guarani

Portunhol vira idioma no Palmeiras

Um dos argumentos para tal ação, por parte da defesa do jogador, é que a transferência de Vilson para o Stuttgart foi mal-sucedida por conta das lesões e que as intervenções do departamento médico do Palmeiras foram criticadas por especialistas. Mesmo depois da transferência, o Palmeiras ofereceu sua estrutura para a recuperação do jogador, que negou a oferta.

A Lei Pelé diz que nesse caso, o jogador deveria receber o equivalente a um ano de salário. Por se tratarem de duas lesões (artroscopia e tendinite), o advogado de Vilson pediu duas vezes o valor.

Artigos Relacionados

Leave a Comment