Notícias 

São Paulo quer receber os Mundiais de Clubes da Fifa em 2017 e 2018

Capital paulista aposta nas arenas de Corinthians e Palmeiras, assim como no Morumbi e no Pacaembu, e quer aproveitar também os Jogos de 2016

A experiência vivida por São Paulo com a Copa do Mundo trouxe à cidade um desejo de permanecer na rota dos próximos grandes eventos esportivos, entre eles o Mundial de Clubes de 2017 e 2018, além dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Em novembro, a FIFA vai anunciar o país que vai receber sua maior competição de clubes, e a capital paulista está na briga com quatro estádios: Arena Corinthians, Arena Palmeiras, Morumbi e Pacaembu

“Com o público que veio, que lotou os estádios, o público da América do Sul que veio para cá, não tem como tirar mais o Brasil de um circuito importante internacional do futebol” – destacou a vice-prefeita de São Paulo, Nádia Campeão.

+ As 23 promessas para 2018
+ Arena Palestra recebe gramado
+ Após Copa Arena Corinthians passa por reforma ‘padrão timão’

A Copa do Mundo foi um sucesso para São Paulo, que recebeu mais de meio milhão de turistas e movimentou mais deR$ 1 bilhão. Mas a cidade não quer ficar restrita ao futebol, e o próximo passo da Prefeitura é fazer um estudo de como se aproveitar da melhor forma possível das Olimpíadas de 2016. Já existe inclusive um levantamento de todos os lugares da cidade que poderiam receber delegações de diversas modalidades olímpicas.

“São Paulo é muito perto do Rio de Janeiro, essa conexão é muito facilitada, então acredito que a gente possa participar de uma forma bem importante. E ver também delegações de países que têm que chegar antes, fazer seu treinamento, que a gente possa acolher também em São Paulo” – ressaltou Nádia.

A capital paulista já é sub-sede olímpica no torneio de futebol dos Jogos de 2016, que vai ser disputado mais outras três cidades além do Rio de Janeiro: Belo Horizonte, Brasília e Salvador.

“Acho que para viver o clima das Olimpíadas em 2016 em São Paulo, nós vamos nos esforçar bastante” – concluiu Nádia Campeão.

Artigos Relacionados

Leave a Comment