Notícias 

Coritiba poderá ser punido pelo STJD

Antes do duelo entre Coritiba e Chapecoense, torcida do Coxa estendeu na arquibancada uma faixa com a imagem de Wagner Reway vestindo a camisa do Flamengo

O protesto da torcida do Coritiba, ironizando a arbitragem da eliminação da Copa do Brasil, pode trazer prejuízo financeiro ao clube. Além de retardar o início do duelo contra a Chapecoense, na última quarta-feira, o clube pode ser punido em até R$100 mil caso seja denunciado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta da manifestação, que foi relatada pelo árbitro da partida, Devarly Lira do Rosario.

+ Árbitros revelam os piores estádios do Brasil
+ Casa da torcedora que xingou o goleiro Aranha, é incendiada

Antes da vitória sobre a Chapecoense por 3 a 0, uma bandeira com a imagem do juíz Wagner Renay vestindo a camisa do Flamengo foi estendida na arquibancada do Couto Pereira. O banner ainda continha os dizeres: ‘Pênalti para nós’.

A manifestação da torcida contra o árbitro Wagner Renay remete a eliminação do Coritiba da Copa do Brasil. Após vencer o jogo de ida no Couto Pereira por 3 a 0, o Coritiba acabou sendo eliminado no Maracanã. Na ocasião, o juiz da partida marcou dois pênaltis para o Flamengo no tempo regulamentar.

O Coritiba pode ser denunciado no artigo 191, que fala em “deixar de cumprir, ou dificultar o cumprimento: de deliberação, resolução, determinação, exigência, requisição ou qualquer ato normativo ou administrativo do CNE ou de entidade de administração do desporto a que estiver filiado ou vinculado; de regulamento, geral ou especial, de competição.”

Artigos Relacionados

Leave a Comment