Notícias 

Rivaldo diz que o Brasil irá passar vergonha na Copa

Depois de quase 12 anos do Penta, Rivaldo é um dos poucos campeões em atividade no Brasil.

Com um passado vitorioso na seleção brasileira, o pentacampeão Rivaldo vê falhas na preparação da Copa e vê um futuro muito ruim para o país sede.
O presidente e jogador do Mogi Mirim elogiou o treinador da seleção, Luis Felipe Scolari e apontou a seleção brasileira como a favorita a levar o caneco, mas criticou vorazmente os altos investimentos usados para a Copa do Mundo.

Ontem, após derrota de 4xo para o São Paulo, Rivaldo, ainda no gramado concedeu entrevista e disse: “Já sabíamos que isso ia acontecer (altos investimentos e estádios que não passarão de elefantes brancos)”. “Falei em outra oportunidade que o Brasil não tem condições de sediar um evento como esse, ainda mais com o superfaturamento dos políticos das cidades-sedes. Não vou falar tudo de novo, mas acho, infelizmente, que o nosso país irá passar vergonha e o pior, poderá ser chacota mundial e ser mal visto pelos estrangeiros” – completou.

Ex timão é detido nesta madrugada

Ciclista inglês irá visitar as sedes da Copa em uma bicicleta

Arena da Baixada corre o risco de ficar fora da Copa

O país tem muitas prioridades, como escolas, hospitais e também os presídios

Horas antes da partida entre São Paulo e Mogi Mirim, a presidente da república, Dilma Roussef inaugurou a Arena Dunas, em Natal, um estádio com orçamento na casa dos 400 milhões de reais e que receberá apenas quatro jogos do mundial.
Isso despertou ainda mais a indignação de Rivaldo que disse:

“O país tem muitas prioridades, como escolas, hospitais e também os presídios. Temos que melhorar os que temos e construir os que faltam, além de incentivar a educação e a cultura. Não precisamos gastar tanto com estádios. Acho isso uma vergonha” concluiu o meio campista.

Artigos Relacionados

Leave a Comment