Notícias 

Empresa ligada a Ronaldo fatura alto com contrato para a Copa

Ronaldo faz parte do Comitê Organizador Local da Copa-2014 

A WPP do Brasil foi contratada pelo governo federal para a divulgação da Copa-2014 e fatura alto. O problema é que essa é uma das empresas sócias do ex-jogador Ronaldo, quem faz parte do COL (Comitê Organizador Local) e tem participação na 9ine, agência de publicidade e marketing esportivo integrante da holding em questão.

Os conflitos de interesses começam. A Embratur fechou um contrato de serviços de consultoria com a Ogilvy & Mathers Brasil Comunicação, que faz parte do grupo WPP do Brasil. Assim, o dinheiro público vai para os cofres da WPP, que por sua vez é sócia de Ronaldo. Assessores e membros d comitê negam o envolvimento do jogador na contratação.

Em setembro de 2010 Ronaldo e a WPP do Brasil anunciaram um acordo para a criação da 9ine. Um mês depois a Ogilvy ganhou uma licitação da Embratur para divulgar o Brasil no exterior, dando início às ações referentes a Copa-2014.

Romário critica ferrozmente Blatter na TV

Desde aquele ano, a empresa já recebeu R$ 33,4 milhões da Embratur. Não por acaso, a WPP é a maior acionista da Ogilvy e assim, fica com a maior parte do dinheiro.  Em novembro de 2011, Ronaldo tornou-se membro da cúpula do COL e passou a atuar como um embaixador do Mundial, na maioria das vezes em ações coordenadas com o governo federal.

A Ogilvy já prestou serviços para a Fifa e para o COL na Copa das Confederações. Segundo a empresa, ser sócio da WPP não faz de Ronaldo sócio de qualquer outra empresa que componha o grupo WPP, fora a 9nine. E, apesar de alegarem que são sociedades diferentes, a assessoria de imprensa é a mesma. Alegaram ainda que, não existem provas de que Ronaldo tenha atuado em favor do contrato da Ogilvy com o governo federal, nem há ilegalidade no negócio.

Quando entrou no comitê, Ronaldo afirmou que não haveria conflitos de interesse e tráfico de influência. Depois disso,  uma empresa representada pela empresa do ex-jogador, a Marfinite, ganhou o contrato para fornecimento de assentos na Arena Fonte Nova, um dos estádios destinados à Copa-2014.

Dilma e Blatter não farão discurso na abertura da Copa

Artigos Relacionados

Leave a Comment